Redução de Custos e Consumos Térmicos

Redução de Custos e Consumos Térmicos

A redução de custos pode sempre alcançar-se pelo menos de 3 formas distintas:
• Substituindo o combustível fóssil utilizado por biomassa, tradicionalmente bastante mais barata e amiga do ambiente, ou por um sistema termosolar, sendo que em casos de consumidores com consumos já importantes conjuntos de energias térmica e eléctrica, pode justificar-se a introdução de uma cogeração;
• Optimizando o processo consumidor térmico de maneira a reduzir consumos;
• Actuando simultaneamente nos 2 factores anteriores, sendo esta a solução ideal.
Seja como exemplo simples o caso de uma piscina municipal aquecida coberta consumindo gás propano: os consumos térmicos desta piscina podem ser analisados em detalhe e em função desta análise ser prevista uma caldeira a biomassa ou colectores termosolares, que anulem total (caso da caldeira a biomassa) ou parcialmente (caso do termosolar) os consumos pré-existentes de propano. Contudo, e em conjunto com estas medidas, pode ser mais eficaz caminhar para jusante analisando e optimizando a forma como se estão a processar internamente estes consumos térmicos, anulando ou minimizando eventuais perdas: re-isolamento de condutas ou tanques termicamente mal isolados, limpeza de calcário depositado em permutadores, introdução de mantas térmicas para cobrir o espelho de água em períodos nocturnos, etc

Tem alguma questão?

Caso tenha alguma dúvida ou questão que gostasse de colocar sobre a tecnologia fotovoltaica, não hesite em contactar a nossa equipa.

Pergunte aqui

Áreas de Actividade

Tecnologias